Notícias

Conselho Federal da OAB debaterá campanha da Contee

10 de março de 2008

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee) apresentará, nesta terça-feira (11), aos membros do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, a campanha Educação não é Mercadoria. Durante o ato, que acontecerá em Brasília, serão apresentados dois vídeos institucionais que denunciam os processos de mercantilização e desnacionalização do ensino superior privado em curso no Brasil.A Campanha, lançada pela Contee em abril do ano passado, defende a regulamentação do ensino privado, propõe reflexões sobre os rumos da educação e luta pela garantia da qualidade, denunciando os processos de mercantilização e desnacionalização do ensino superior privado no país.

Desde o ano passado, a Contee e a OAB iniciaram um diálogo sobre tais questões a fim de estabelecer uma mobilização conjunta pela regulamentação do setor privado de ensino.O presidente da OAB, Cezar Britto, declarou na ocasião que a entidade também nutre preocupações em relação ao ensino privado, destacando que o baixo índice de aprovações nas provas de exame da Ordem, em boa parte, diz respeito a alunos oriundos de cursos de baixa qualidade e pouco fiscalizados. Para ele, é necessária uma ação efetiva para regulamentar o setor em busca de qualidade.A Contee critica a visão da educação como um negócio, que deve ser regido pelas “leis do mercado”, no qual a lucratividade é baseada na precarização das condições de trabalho de professores e funcionários, na ausência de estrutura para desenvolvimento de pesquisa e extensão, rebaixando a qualidade do ensino e trazendo graves prejuízos à formação dos estudantes.Neste momento, a campanha Educação Não é Mercadoria prioriza o debate sobre o processo de desnacionalização do ensino superior brasileiro, que se agrava graças ao avanço indiscriminado da entrada de capital estrangeiro no setor. Para a Contee, a venda de instituições de ensino superior privadas para investidores internacionais é um crime contra a educação no Brasil, sendo inaceitável a ingerência de especuladores estrangeiros nos assuntos educacionais do país.ServiçoOAB recebe CONTEE em BrasíliaLocal: Sede do Conselho Federal da OAB (Auditório do 3º andar)SAS Quadra 05 – Lote 01 – Bloco M – Brasília/DFData: 11 de março de 2008Horário: 14hFonte: Contee

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha