Notícias

CONTEE lança segunda fase da campanha “Educação não é mercadoria”

29 de outubro de 2007

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee) lançou, em 26 de outubro, a segunda fase da campanha “Educação não é mercadoria”. O objetivo, segundo a direção da entidade, é potencializar as ações contra a mercantilização da educação em todo o país.

A primeira peça publicitária já está pronta e traz a imagem de um estudante com o código de barras estampado em seu rosto, em uma crítica à transformação da educação em mercadoria. A peça denuncia também a venda de instituições de ensino superior para o capital internacional. “É inaceitável a ingerência de especuladores estrangeiros nos assuntos educacionais do nosso país”, afirma o texto do cartaz.

A Contee espera uma ampla divulgação do novo material pelas diversas entidades ligadas à educação no Brasil. Outros materiais e um vídeo estão sendo elaborados para ampliar os avanços da campanha e impedir que a educação seja tratada como mercadoria, conforme denunciou a reportagem da edição de 17 de outubro da revista Carta Capital. Grandes grupos privados, preocupados somente com o lucro, estão abrindo o capital na Bolsa de Valores.   Para barrar esse processo, várias entidades estão empenhadas em campanhas por todo o país. Em Minas, o assunto foi debatido durante audiência pública realizada em 3 de outubro na Assembléia Legislativa. A regulamentação do setor privado e a democratização do Conselho Estadual de Educação foram as principais reivindicações apresentadas na audiência.

Visite o site da campanha Educação não é mercadoria.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha