Notícias

Direção do CEM promete regularizar pendências trabalhistas

1 de outubro de 2007

Em reunião no Sinpro Minas, na quarta-feira passada (26/09), a direção do Centro Educacional Mineiro (CEM) se comprometeu a regularizar as pendências trabalhistas dos professores que lecionam na instituição de ensino.

 

Uma nova reunião está agendada para o dia 26/10. Até essa data, a direção da escola disse que pretende quitar os débitos referentes ao FGTS e apresentar uma proposta de regularização do INSS junto à Previdência Social, sem prejuízos para as aposentadorias dos professores.

 

Na reunião dessa quarta, o sindicato alertou a direção do CEM que qualquer ônus para os professores em decorrência de pendências com a Receita Federal deve ser reparado imediatamente pela instituição de ensino. A escola não tem feito o repasse ao INSS dos valores descontados no contracheque e não tem recolhido o FGTS dos trabalhadores.

 

Ficou acordado também que a instituição de ensino vai repassar ao Sinpro Minas uma cópia do processo protocolado no Ministério Público do Trabalho, referente à proposta de quitação dos débitos trabalhistas. O sindicato reiterou para a direção que tomará todas as medidas para que os direitos dos professores sejam respeitados.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha