Notícias

Governo de SP não cumpre suas metas para a educação

16 de julho de 2008

O governo paulista não conseguiu cumpir nenhuma das quatro metas a que se propôs para a melhoria na qualidade do ensino na rede estadual, para o período entre 2004 e 2007, segundo reportagem da Folha de São Paulo. Os quatro indicadores, criados na gestão do então governador Geraldo Alckmin (PSDB) no Plano Plurianual 2004-2007 visavam, em geral, reduzir a repetência e a evasão escolar dos alunos matriculados nos ensinos fundamental (1ª a 8ª série) e médio (antigo colegial). O período abrange ainda a metade do governo do também tucano José Serra.A reportagem mostra que três dos quatro índices pioraram. O único que apresentou melhora não atingiu a meta estabelecida. É o caso da evasão no ensino médio cuja meta proposta era reduzir de 8,4% para 6%, mas ficou em 6,5%. No caso da reprovação no ensino médio, a meta era diminuir de 9,3% para 7% a proporção de alunos que repetem de ano. A taxa, porém, subiu para 17,6%.Outro ladoProcurado, o governo Serra culpa herança da gestão Alckmin. Segundo ele, o fato de as metas não terem sido atingidas ocorreu por falta de currículo unificado na rede. Essa situação, de acordo com a área de educação do atual governador, mudou a partir do segundo semestre do ano passado.Por sua vez, a gestão do ex-governador Alckmin defende que houve avanços em outros indicadores e afirmou que as melhorias na educação só ocorrem em médio e longo prazos.Com Folha Online

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha