Notícias

Jornada contra a mercantilização da educação

Em Jornada contra a Mercantilização da Educação, Contee, Sinpro Minas, UNE, UEE-MG e UMES fazem panfletagem em instituições de ensino superior privadas de Belo Horizonte e região metropolitana.

O coordenador-geral da Contee, Gilson Reis, participou de panfletagem ontem (13) na porta da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), juntamente com dirigentes do Sinpro Minas e representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE), da União Estadual de Estudantes (UEE-MG) e da UMES (União Municipal de Estudantes Secundaristas). A ação faz parte da Jornada contra a Mercantilização e em Defesa da Educação, lançada pela Confederação e pela UNE,  com o lema “Educação não é mercadoria”.

“A panfletagem na PUC Minas tem um sentido simbólico, por ser a maior instituição de ensino superior do estado e por ter demitido inúmeros trabalhadores e trabalhadoras neste início de ano letivo. A PUC, que diz prezar pela qualidade educacional, age do mesmo modo que instituições que não têm nenhum compromisso com a qualidade da educação”, destacou Gilson.

A princípio, a jornada se encerraria no dia 2 de março, mas foi prorrogada devido a relevância do tema e urgência da luta. Segundo Gilson Reis, “essa campanha é estratégica e deverá se ampliar ao longo do próximo período”. “A relação entre Contee e UNE é de unidade entre duas entidades que lutam por uma educação que supere s mercantilização numa perspectiva transformadora”, enfatizou.

 PUC Coração Eucarístico

PUC Coração Eucarístico

29214604_10156158577531506_8568295215322890240_n

Estácio de Sá

WhatsApp Image 2018-03-13 at 19.04.27

PUC Betim

WhatsApp Image 2018-03-14 at 12.29.48

Uni-BH

A ação perdurará por toda a semana na região metropolitana de Belo Horizonte.

A Jornada contra a Mercantilização e em Defesa da Educação Pública visa a mobilizar estudantes, professores, auxiliares e técnicos administrativos na luta contra a reforma trabalhista, as demissões em massa nos estabelecimentos de ensino superior — como as ocorridas no fim do ano passado — e o comércio educativo no país.

UNE, Contee e as entidades filiadas à Confederação e aos movimentos estudantis têm distribuído, na porta de instituições de ensino superior (IES) estratégicas, um panfleto para esclarecer a sociedade sobre a necessidade de defesa da educação como setor estratégico para o desenvolvimento soberano no Brasil. O documento, disponível para download no Portal da Contee, retoma também a luta em prol da criação do Instituto Nacional de Supervisão e Avaliação da Educação Superior (Insaes), uma reivindicação da Contee e da UNE cuja tramitação se encontra paralisada desde 2015 no Congresso Nacional.

Com informações do Portal da Contee: www.contee.org.br

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha