Notícias

Nota de apoio do Deasinpro ao PLC 42/07

6 de fevereiro de 2009

O Deasinpro ( Departamento de Professores Aposentados do Sinpro Minas) enviou ao Congresso Nacional uma nota de apoio ao Projeto de Lei Complementar 42/07, do senador Paulo Paim, que cria a política de reajuste do salário mínimo com base na inflação medida pelo INPC acrescido da variação real do PIB e estende o reajuste também para os aposentados e pensionistas que recebem mais de um salário.

 

Aos deputados e senadores,  

Diante do quadro de defasagem salarial ao qual estão submetidos os aposentados e pensionistas brasileiros que ganham um salário mínimo, ou pouco mais que isso, o Departamento de Professores Aposentados do Sinpro Minas (Deasinpro), através de seus representantes, declara apoio ao Projeto de Lei Complementar 42/07, do senador Paulo Paim, que cria a política de reajuste do salário mínimo com base na inflação medida pelo INPC acrescido da variação real do PIB e estende o reajuste também para os aposentados e pensionistas que recebem mais de um salário.

Os professores entendem que hoje, no Brasil, não é possível que uma pessoa sobreviva dignamente, ganhando entre 1 e 2 salários, por exemplo. Os aposentados, muitas vezes, precisam de remédios e cuidados especiais com a saúde, necessitam, no entanto, de uma renda maior. Os professores aposentados de Minas Gerais solicitam, ainda, que os parlamentares não economizem esforços para aprovar brevemente o PLC/4207, o que será um grande ganho para os trabalhadores e trabalhadoras do país.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha