Notícias

Sinpro Cerp é inaugurado em Belo Horizonte

27 de fevereiro de 2008

Centro de Referência do Professor da Rede Privada vai receber cursos, seminários e palestras

Com a presença de professores, autoridades, diretores, ex-diretores do Sinpro Minas e convidados foi inaugurado, nessa terça-feira (26), em Belo Horizonte, o Centro de Referência do Professor da Rede Privada (Sinpro Cerp).

Professores prestigiam a inauguração do Sinpro Cerp

Localizado na rua Tupinambás, 179, no centro da capital, no espaço onde funcionava a antiga sede do sindicato, o novo ambiente passou recentemente por uma ampla revitalização. A inauguração marcou o início das comemorações dos 75 anos de existência do Sinpro Minas, cuja programação prevê atividades educacionais e culturais até novembro deste ano. Durante o evento, foi exibido o vídeo institucional em comemoração a este aniversário.

“Tenho orgulho de ter sido a primeira mulher presidente do Sinpro Minas. Espero que este novo espaço seja um ambiente de discussões e de renovação”, disse a ex-presidente Inês Assunção (gestão 1983-1986), ao relembrar momentos de sua gestão. O ex-presidente do sindicato Nilton Pereira de Souza também destacou a importância da revitalização do lugar. “A direção atual acerta ao revitalizar este espaço. É uma decisão muito feliz. Hoje, vejo que esta entidade não perdeu a referência para a categoria. Continua um sindicato de luta”, ressaltou.

Para o presidente do Sinpro Minas, Gilson Reis, o Cerp vai favorecer a formação profissional, política e sindical dos professores. “Na noite de hoje, o sindicato dá um grande passo. Queremos transformar este espaço em um local de debates, de formação da categoria”, declarou Gilson Reis.

Rumos da educação brasileiraApós parabenizar a atuação de diretores e ex-diretores do Sinpro Minas, a coordenadora-geral da Contee, Madalena Guasco, falou sobre dilemas e perspectivas da educação brasileira. Crítica em relação aos rumos do setor no país, Madalena traçou um panorama não muito favorável.

Segundo ela, a educação brasileira ainda vive sob a ótica do sistema neoliberal, implementado nos anos 90. “As elites brasileiras nunca colocaram a educação como política de Estado, vinculada a um projeto nacional de desenvolvimento soberano. Mais fortemente a partir da década de 90, a educação deixou de ser tratada como um direito e passou a ser entendida como um serviço, uma mercadoria”, afirmou.

Para Madalena Guasco, apesar de alguns avanços, a educação neste governo ainda não é tratada como política de Estado. “Não possuímos um Sistema Nacional de Educação, que articule as políticas educacionais nos níveis federal, estadual e municipal e as vincule a um projeto soberano de Estado. Temos que continuar mantendo a pressão, pois a educação brasileira ainda caminha com muita dificuldade”, declarou a coordenadora-geral da Contee.

O novo espaçoNo centro da capital, o Sinpro Cerp terá espaços onde os professores poderão compartilhar experiências que favoreçam a reflexão sobre as condições de vida e trabalho da categoria. Um desses espaços será o Observatório do Trabalho Docente, voltado para a produção e divulgação de estudos e pesquisas sobre o universo dos trabalhadores da educação. Já o Memorial dos Professores de Minas Gerais pretende abrigar um acervo material e virtual acerca da história de lutas e conquistas da categoria. No local também funcionará o Departamento de Professores Aposentados do Sinpro Minas (Deasinpro) e uma biblioteca, com obras que tratam de temas como educação, trabalho, movimento sindical, entre outros. A busca por livros, revistas, jornais, CD’s e demais publicações poderá ser feita através de computadores e com o auxílio de profissionais. Cursos, seminários e oficinas também serão realizados no Núcleo de Educação Continuada.

Além disso, um auditório com equipamentos audiovisuais receberá eventos e atividades culturais. De acordo com a diretoria do Sinpro Minas, a inauguração do Cerp visa ampliar a formação e a comunicação entre os professores, promovendo o desenvolvimento da categoria. 

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha