Notícias

João Pinheiro exclui professores do setor privado na vacinação

Enviar por e-mail
Imprimir página Imprimir agora
Tamanho das letras A+ A-

O Sinpro Minas vem a público manifestar sua indignação com a prefeitura do município de João Pinheiro, que  deu início hoje à vacinação para os profissionais da educação, mas decidiu vacinar apenas os/as professores/as do setor público. Esta medida absurda  está gerando um grande protesto, pois os/as professores/as do setor privado voltaram para as aulas presenciais há quase um mês, sendo que o setor público permanece no sistema virtual.

“Desde o início dessa manhã temos sido procurados por vários professores e professoras que foram aos postos de saúde e não conseguiram se vacinar por trabalharem em  escolas particulares”, conta a presidenta do Sinpro Minas, Valéria Morato.

Ela ressalta que o Sinpro, imediatamente, encaminhou  dois ofícios –  um para o prefeito e outro para a Secretaria de Saúde de João Pinheiro cobrando explicação e uma mudança urgente de postura. “Precisamos vacinar todos os/as  professores/as, especialmente aqueles/las que já estão em sala de aula correndo risco de se contaminarem com a Covid 19”, afirma.

 

Comentários (0)

Deixe um comentário