Notícias

Música, diversão e prêmios marcam a Festa dos/as Professores/as deste ano

Enviar por e-mail
Imprimir página Imprimir agora
Tamanho das letras A+ A-

Pelo segundo ano consecutivo, a tradicional Festa dos/as Professores/as foi adaptada à realidade virtual, devido à pandemia do Covid-19 e ocupou as casas de centenas de pessoas que acompanharam a live “Baile em casa”, realizada no último sábado, 16 de outubro.

Na abertura do evento, Valéria Morato, presidenta do Sinpro Minas, acompanhada pelo apresentador e ator Márcio Vesoli, ressaltou que a proposta da festa é celebrar o mês dos/as professores/as e homenagear a dedicação de cada docente na construção de um mundo melhor. “Estes últimos tempos não têm sido nada fáceis. Uma dura realidade com muitas perdas, muita luta para seguir garantindo a educação de qualidade, para garantir direitos trabalhistas. A sua casa virou sala de aula, ensinando e acolhendo alunos e famílias, com jornada ampliada e muitas demandas novas”, destacou Valéria, na apresentação da live.

Assim como no último ano, mesmo virtualmente, o baile trouxe muita música, diversão e prêmios. A abertura musical ficou por conta do cantor e compositor Adriano Fernandes, que em seu repertório homenageou compositores de Minas Gerais, como Vander Lee e Beto Guedes, além de apresentar composição própria, “Em Minas”, que também homenageia o estado.

O samba também marcou a festa deste ano, com a presença da cantora e compositora Michelle Andreazzi e da também cantora, compositora e instrumentista Marina Gomes, que interpretaram clássicos de grandes sambistas, como Dona Ivone Lara e Paulinho da Viola e também apresentaram composições próprias, que resgatam fortes influências do universo feminino e ritmos afrodescendentes.

O encerramento musical ficou por conta da banda “PODGiz”, formada por professores e músicos da cidade de Divinópolis, que esquentou o baile com um repertório do pop rock nacional e internacional, também relembrando clássicos como Tim Maia e Pink Floyd.

Mesmo com estilos musicais diferentes, os/as artistas convidados/as demonstraram ter em comum o respeito e a admiração pelo trabalho docente, sobretudo em um momento de fortes ataques à educação. “A nossa luta vale a pena, a nossa resistência vale a pena, a sala de aula vale a pena (…)”, afirmou Rogério Bonde, um dos integrantes da banda PODGiz.

Além das atrações musicais, a live também inspirou homenagens públicas à categoria docente. No chat do evento, no canal YouTube, diversas mensagens foram enviadas a professores/as que marcaram a vida daqueles/as que acompanhavam o evento.

E como prometido, a noite também foi de muita premiação. Quem seguiu as regras, manifestando presença no prazo de um minuto após o sorteio, vai receber em casa os prêmios oferecidos. Chistiane Pinheiro de Oliveira e Silva, Michelle Jacqueline Rocha da Silva Andrade , Milton da Aparecida e Silva, Mirian Adriana Santos e Monica Alves de Carvalho ganharam, cada um/a, um vale compra no valor de R$ 400,00. A professora Maria Jose d’Alessandro Nogueira levou um telefone smartphone, Eliane do Nascimento e Eraldo Sandi, um kit de anel de luz de led e headphone, Carlos Manoel Soares e Ana Cristina Iatarola ganharam a assistente virtual Alexa e Flavia Machado da Cruz Pinheiro Barbosa foi sorteada para um notebook.

Para Valéria Morato, o “Baile em casa” teve a proposta de levar alegria e diversão às casas e familiares dos/as professores/as, que tantas dificuldades enfrentaram nos últimos tempos. “Festejar e celebrar nossa profissão é também uma forma de resistência. Precisamos resgatar a força que nos move nesta jornada, para seguir firmes no desafio que é educar neste país. Desejamos profundamente que no próximo ano a gente possa celebrar nosso dia em um baile presencial, com abraços e muito afeto. Mas enquanto ainda houver pandemia, seguiremos reinventando maneiras de estarmos unidos/as”, afirmou.

E para quem perdeu a live ou quer assistir de novo, a íntegra está disponível no canal do Sinpro Minas no YouTube (clique aqui). 

Confira abaixo algumas fotos do nosso “Baile em casa”! (É só clicar na seta ao lado para ver toda a galeria). Para acessar a íntegra do nosso registro fotográfico, clique aqui! 

 

Comentários (0)

Deixe um comentário