Notícias

TJMG abre cadastramento de auxiliar de justiça para profissionais da educação

Devido ao aumento das demandas judiciais envolvendo o direito à educação em todo o estado de Minas Gerais, o Tribunal de Justiça convoca profissionais dessa área a se cadastrarem no “banco de peritos” do Tribunal. A atuação como auxiliar da justiça se refere ao acompanhamento na realização de perícias judiciais, como por exemplo em casos de inclusão e retenção escolar, qualidade e condições da educação prestada, entre outros.

O trabalho é remunerado e todas as informações sobre o cadastramento e requisitos podem ser acessadas no site do TJMG. Clique aqui! 

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Montes Claros
Poços de Caldas
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia