Notícias

5 de junho: Dia Mundial do Meio Ambiente

5 de junho de 2014

Desde a descoberta do meio de produzir o fogo, o homem vem aprimorando seus conhecimentos e, elaborando técnicas cada vez mais sofisticadas para exploração e transformações dos recursos naturais, o que tem provocado profundas ações transformadoras no meio ambiente, sendo um dos principais efeitos o aumento da temperatura e os seus impactos na natureza.

As alterações do clima é uma das principais preocupações de ambientalistas e governos de todo mundo. Estudos realizados estimam um aumento de 5% a temperatura global para 2050, se confirmada essa tendência fenômenos e catástrofes poderão ser devastadores. Diante dessas projeções estudos estão sendo realizados com o objetivo de elaborar cenários econômicos e sociais para as próximas décadas, com esses cenários, ações mitigadoras devem ser elaboradas para que a previsão de aumento da temperatura seja menor provendo assim, um maior equilíbrio do meio ambiente.

A partir desse cenário cabe ao movimento sindical participar e intervir nesse debate, pois as alterações que venham ocorrer, seja nas alterações dos modos de produção ou numa possível redução desta, poderão também alterar sobremaneira o mundo do trabalho, seja na diminuição de posto de trabalho ou na margem salarial. Por outro lado, também interessa a classe trabalhadora as mudanças que visem um maior equilíbrio e contribuam para um modelo desenvolvimento sustentável e garantam melhoria nas condições de trabalho.

Além disso, a sociedade precisa tomar consciência de preservar não só os recursos naturais, mas a vida dos seres vivos principalmente o ser humano, de compreender que há uma necessidade imediata na construção de políticas sócio-educativas para garantir uma cultura prevenção dos possíveis efeitos danosos com a evolução tecnológica e suas ações geradas, que influenciam tanto na vida como no ambiente ao qual estamos inseridos.

5 de Junho – Dia Mundial do Meio Ambiente, momento de refletirmos e ponderarmos o que somos, pensamos e fazemos no nosso Planeta Terra.

Há necessidade de um equilíbrio entre os avanços tecnológicos com a natureza, daí a importância do desenvolvimento sustentável. É preciso programar políticas que estimulem a redução do desperdício, diminuição de produção dos chamados descartáveis (lixo) e agressão a natureza.

Cabe a todos nós seres humanos uma reflexão sobre nossas ações cotidianas nas diversas áreas que estamos e participamos.

Pois a violência, a exploração, o desrespeito e desmandos são atitudes que degradam a humanidade e, por conseguinte o ambiente. Pensem nisso!

Claudemir Nonato é secretário adjunto de Meio Ambiente da CTB

Fonte: CTB

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha