Notícias

Assembleia de professores em Uberlândia, dia 17/03

7 de março de 2018

Campanha reivindicatória 2018

Os professores são o Sindicato, em resistência e unidade na luta!

 Desde novembro de 2017, nas assembleias da categoria, algumas diretrizes já foram definidas através das mobilizações que iniciamos, como a manutenção de todas as conquistas da categoria, a valorização da profissão docente, a necessidade de fortalecer a luta sindical e do Sinpro Minas representar todos os professores, independentemente da forma de contratação de trabalho. Mas sentimos que essa negociação não será nada fácil. Em reunião com o sindicato patronal já sentimos a grande resistência em manter nossas conquistas.

 Queremos a Renovação da Convenção Coletiva de Trabalho sem retrocessos!

 Os patões querem:

– Retirar da CCT a obrigatoriedade de se fazer a homologação no  Sinpro Minas;

– Iniciar as férias no primeiro dia útil, após o Natal, até dia 25 de janeiro, retornando as aulas no dia 28 de janeiro. Os dias perdidos poderão ser compensados na “semana do saco cheio”;

– Manter as bolsas somente para os professores da própria escola;

– Regulamentar a EAD especificando quem é professor, quem é tutor e quais as tarefas de cada um. Porém não especificarão o número de alunos e terão um piso menor que o do ensino regular;

– A valorização docente será mantida somente pelo INPC, sem ganho real;

– A data-base só terá validade por um ano – vigência do acordo só para 2018;

– Os professores do noturno perderão o intervalo de 15 minutos caso tenham 4 aulas ou menos;

– O professor terá direito ao adicional por tempo de serviço apenas se permanecer na instituição ininterruptamente;

– A gestante será obrigada a gozar as férias coletivas logo após a licença maternidade;

– A indenização por redução de carga horária será excluída.

Sobre o desconto da Contribuição Sindical

Precisamos discutir os graves prejuízos da reforma trabalhista e a importância de se manter a luta sindical por melhores condições de vida e trabalho dos professores. Com a reforma trabalhista a contribuição sindical deixa de ser compulsória e passa a ser facultativa. Em assembleia anterior, nenhum professor se opôs ao desconto do imposto, concordando que o Sinpro Minas envie para todas as escolas a autorização para o desconto de um dia de serviço, no mês de março.

ASSEMBLEIA DE PROFESSORES DO SETOR PRIVADO DE EDUCAÇÃO

17 DE MARÇO – 9 HORAS

Na Sede do Sinpro Minas

Rua Olegário Maciel, 1212 – Lídice – Uberlândia/MG

 Participe e fortaleça a luta pela valorização da categoria e contra a retirada de direitos!

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Opinião Sinpro Minas
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha