Notícias

Associação de jornais comete ‘barriga’ ao condenar Petrobras

10 de junho de 2009

 

A Associação Nacional de Jornais (ANJ) – entidade que defende os interesses da grande imprensa – cometeu o que no jargão jornalístico se denomina ”barriga”, ao emitir uma nota condenando as supostas ”ameaças” que a Petrobrás estaria fazendo a veículos de imprensa e jornalistas.  Em nota de reposta, a Petrobrás esclarece que o trecho citado pela ANJ faz parte uma mensagem de segurança padrão e automática no pé dos e-mails encaminhados pela empresa, semelhantes àquelas que até mesmo jornalistas da grande imprensa usam.

 

A Petrobrás também rechaça a acusação de quebra de ”confidencialidade e sigilo” por parte do blog Fatos e Dados, que a empresa criou para prestar esclarecimentos à sociedade. ”Não há compromisso semelhante de confidencialidade e sigilo da fonte para o jornalista, pois isso limitaria o próprio caráter público e aberto da informação”, esclarece a Petrobras, dando uma verdadeira lição de jornalismo e transparência para a mídia, que parece estar muito incomodada com o blog.

 

Em outra nota, publicada no domingo (7), a Petrobras já havia respondido a uma matéria publicada pelo jornal O Globo que também condenava o blog Fatos e Dados, qualificando-o como um instrumento criado para ”vazar informações obtidas por jornalistas que investigam indícios de irregularidades nos negócios da estatal”.

 

Em sua nota, a companhia petrolífera reafirma que a relação entre a Petrobras e os veículos de comunicação que a interpelam é essencialmente pública e que ”neste contexto não há espaço para informação sigilosa, como o verbo ‘vazar’ utilizado no título (da matéria do jornal O Globo) pressupõe”. ”Tanto as respostas da Petrobras são públicas quanto as perguntas dos repórteres também o são, ou deveriam ser”, diz a nota.

 

O documento reforça ainda que a iniciativa de criar o blog Fatos e Dados ”é um marco na construção de novas pontes de comunicação com os públicos de relacionamento da companhia em uma nova era de circulação de informação digital em tempo real”.

 

Gabrielli: “novidade veio para ficar”

 

Em declaração à imprensa, o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, negou nesta segunda-feira, em São Paulo, que a criação do blog Fatos e Dados faça parte de uma tática da estatal para esvaziar as matérias de jornalistas e veículos de informação. Segundo Gabrielli, a idéia foi fazer um veículo novo de comunicação que fique entre a fonte e os leitores.

 

“Normalmente, a gente tem um intermediador entre a fonte e o público, que é o veículo, agora temos uma fonte nova que reflete um pouco a existência da internet”, disse ele, lembrando que o blog é uma novidade democrática e que veio para ficar. “Nós estamos fazendo com que o público tenha acesso ao mesmo tempo que o jornalista da informação que nós estamos dando”.

Para o presidente da estatal, a novidade criada pela Petrobras é um procedimento que deverá ser generalizado, adotado por empresas e instituições que deverão começar a utilizar esse mecanismo. “Isso é fruto da democracia da informação que a internet traz”, disse Gabrielli, pouco antes de ter início a gravação do programa “Roda Viva”, da TV Cultura.

 

Confira outras informações no blog da Petrobrás: clique aqui 

Com Portal vermelho.org.br

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha