Notícias

Atrasados do INSS serão investigados pela receita

16 de março de 2011

 

A receita federal vai fiscalizar contribuintes que receberam atrasados do INSS ( Insttituto Nacional do Seguro Social) em 2009 e em 2010, mas não declararam os valores que foram pagos. Também estão na mira do Leão os servidores que receberam precatórios alimentares e verbas da justiça brasileira.

Segundo a receita, muitos contribuintes deixaram de declarar os atrasados por pensarem que, como já é feito desconto de  3% na fonte na justiça federal, não é preciso informar os valores na declaração de ajuste anual. No total, 659 mil segurados receberam atrasados do INSS no ano passado.

A receita federal pretende fiscalizar todos os rendimentos de “natureza salarial” vindos de ações judiciais. Quem não declarar os ganhos desses atrasados poderá ser multado em 75% – a multa será calculada sobre o valor restituído indevidamente. Assim, por exemplo, se um segurado não informou os atrasados e conseguiu uma restituição maior por conta dessa omissão, a multa será cobrada sobre esse valor indevido que ele tinha obtido.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha