Notícias

Campanha reivindicatória 2012Professores aguardam contraproposta patronal

27 de abril de 2012

 

Representantes do Sinpro Minas e do Sinep-MG participaram de uma reunião na Superintendência Regional do Trabalho (SRT), nesta sexta (27/4), para tratar sobre a campanha reivindicatória 2012 dos educadores da rede privada. A negociação foi mediada pela chefe da seção de Relações do Trabalho, Alessandra Parreiras.

 

O impasse continua. Mas, de acordo com sugestão da SRT, os donos de escolas devem levar uma proposta para uma nova reunião no dia 4 de maio, às 9 horas, entre as partes. O patronal vai realizar assembleia, no dia 3/5, para discutir com a categoria econômica uma nova proposta de reajuste. Os professores realizam assembleia, no dia 5 de maio, às 10 horas, na sede do Sinpro Minas (rua Jaime Gomes, 198, Floresta), para avaliar a contraproposta que deve ser apresentada pelos donos de escolas.

 

Os diretores do Sinpro Minas ressaltaram, durante a reunião, que o pedido de reajuste de 12% é muito justo, diante do crescimento econômico do país, aumento do mercado consumidor, elevação do valor das mensalidades, em média, 12%, e do crescimento do número de alunos nas escolas particulares.

 

A diretoria do Sinpro esclarece que o patronal não colocou em negociação outros pontos importantes da campanha, tais como a regulamentação do ensino a distância, equiparação dos pisos do ensino infantil ao do ensino médio, além de medidas de combate à violência nas escolas.   

 

Para a doutora Alessandra Parreiras a mediação é uma instância que será cada vez mais utilizada e que possui grandes chances de êxito. Segundo ela, o número de dissídios coletivos tem diminuído e a resolução das campanhas salariais no Ministério do trabalho tornou-se recorrente. De acordo com Parreiras, o papel da SRT é analisar bases e condições para que a negociação seja benéfica para ambas as partes. “Acredito que teremos, em breve, uma solução satisfatória para esse impasse”, completa.

 

Para o presidente do Sinpro Minas, é muito importante que a categoria esteja mobilizada, pois diante de um impasse, a alternativa dos professores ainda é a paralisação das atividades.

 

CLIQUE AQUI E ENVIE ESTA NOTÍCIA PARA UM COLEGA. VAMOS MOBILIZAR A CATEGORIA!

Clique aqui e confira momentos da campanha reivindicatória do ano passado.

Clique aqui e reveja imagens de greve e mobilização dos professores da rede privada de ensino.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha