Notícias

Danielle Mitterrand visita o Sinpro Minas e concede entrevista ao Extra-Classe

4 de maio de 2010

A presidente da Fundação France Libertés, ativista mundial dos direitos humanos e ex-primeira dama da França, Danielle Mitterrand, visitou nessa segunda-feira o Sinpro Minas e concedeu uma entrevista ao Extra-Classe – programa de TV do sindicato –, que será exibida neste domingo (9/5), às 8h50, na Band.  Danielle Mitterrand falou sobre o acesso à água potável e gratuita como um direito fundamental da humanidade, e não uma mercadoria, e disse estar preocupada com a privatização dos recursos hídricos. Segundo dados da Fundação, 34 mil pessoas morrem a cada dia em razão da falta de água potável e 1 bilhão e meio de pessoas não tem acesso a esse bem de forma adequada. “A água é um bem comum da humanidade. Todos nós somos responsáveis por sua preservação e sua justa repartição”, disse a ex-primeira dama da França.

O presidente do Sinpro Minas, Gilson Reis, agradeceu à ex-primeira dama pela visita e destacou a luta de diversas entidades e da população de algumas cidades de Minas pela preservação das nascentes e contra ações de mineradoras. “Foi um prazer recebê-la no sindicato. É uma personalidade reconhecida mundialmente, o que fortalece as nossas lutas pela preservação do meio ambiente, assunto que está na pauta de discussões atualmente”, avaliou Gilson Reis. Ele também entregou a ela uma camiseta da campanha Educação não é mercadoria e falou sobre o trabalho do sindicato contra a privatização do ensino no Brasil.   “Na França, as escolas privadas sempre foram associadas às escolas religiosas, mas hoje elas confessam a religião do dinheiro, do comércio. Se entregarmos a educação ao setor privado, não teremos certeza de que o conjunto da sociedade será beneficiado”, argumentou Danielle Mitterrand, que está em Belo Horizonte para participar de atividades do Mensageiros da Água, uma iniciativa da France Libertés. Fundada em 1986 por Danielle Mitterrand, a Fundação France Libertés atua na defesa dos direitos fundamentais dos povos excluídos e em projetos sociais na África, Ásia e América Latina. Conhecida internacionalmente por sua atuação política, Mitterrand já se posicionou a favor dos tibetanos, dos curdos e dos povos indígenas da América Latina. Atualmente, as causas ambientais, em especial o acesso à água potável para todos, têm sido uma das principais bandeiras defendidas por Mitterrand.  

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha