Notícias

Exposição mostra como arte de mulheres contribuiu para resistência política no Chile

18 de maio de 2012

É possível resitir politicamente por meio da produção de arte ou artesanato? Exposição que será aberta hoje (sexta, 18), no Centro Cultural UFMG, mostra que sim. Até 24 de maio, serão expostas arpilleras (produtos de técnica têxtil elaborados em pano rústico, com linhas, objetos diversos e retalhos de tecidos) através das quais as mulheres denunciavam problemas e enfrentavam abusos da ditadura.

Durante o regime militar chileno, que durou de 1973 a 1989, as arpilleras mostravam o que estava acontecendo e se constituíam numa forma de luta pela verdade e pela justiça. Além disso, eram atividade cooperativa e fonte de renda. As arpilleras que serão exibidas no Brasil pertencem à pesquisadora chilena Roberta Bacic, curadora da exposição.

Como parte das atividades da mostra Arpilleras da Resistência Política Chilena, será realizado no dia 18 de maio, às 19h30, o debate Direitos Humanos: Comissão da Verdade Brasil e Chile. E haverá oficinas gratuitas de tecelagem em que o público poderá criar arpilleras, aprendendo a técnica de contar uma história ou conflito com agulha e linha. As inscrições, gratuitas, encontram-se abertas até esta sexta, 18. Os eventos resultam de iniciativa do projeto Marcas da Memória, da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça.

Programação

10h Abertura

19h30 Debate – Diretos Humanos: Comissão da Verdade Brasil e Chile

ExposiçãoDe 18 a 24 Segunda a sexta, 10h às 21hSábado e domingo, 10h às 18h

Oficinas de tecelagem – ArpilleraDia 22 a 23, 14h às 18hInscrições gratuitas

Mais informações estão no site do projeto.

O Centro Cultural UFMG fica na Praça da Estação, na avenida Santos Dumont, 174, esquina com rua da Bahia, Centro de Belo Horizonte (telefone: 3409-8291).Fonte: UFMG

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Opinião Sinpro Minas
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha