Notícias

Patronal quer dividir a categoria e ataca Superior e Infantil – Assembleia 23/3

1 de março de 2019

Professores voltam à luta por direitos e conquistas

Os professores e professoras decidiram manter as negociações em torno da pauta que construíram, durante assembleia realizada na tarde/noite dessa quinta-feira, 27, na sede do Sinpro.

Desta forma, pretendem se manter firmes e unidos na luta, ao pressentirem a tentativa patronal (Sinep/MG) de dividir a categoria com propostas de mudanças nas conquistas históricas dos profissionais do ensino superior.

Uma nova rodada de negociações entre a direção do Sinpro e o sindicato patronal está marcada para o dia 12, e desde já é importante que todos/as fiquem atentos às propostas indecorosas que os donos de escolas querem novamente nos impor.

Querem acabar com a isonomia salarial na Educação Superior, pretendem dar um fim na obrigatoriedade da homologação de rescisão no Sinpro e também eliminar o adicional sobre tempo de serviço.

Mas não é só isso. A ofensiva contra a educação coloca em pauta o fim das férias coletivas nos berçários e a redução das bolsas de estudo no setor. Além disso, não podemos deixar de lutar contra os prejuízos para a categoria da proposta de Reforma da Previdência entregue pelo governo ao Congresso Nacional.

Portanto, teremos um ano de intensas lutas contra perda de conquistas. “A tática patronal desconsidera o caráter da profissão de professor. Por isso nossa assembleia deliberou por manter a negociação da pauta construída pela categoria. Lutaremos por nenhum direito a menos, pela cláusula da liberdade de cátedra, que vai contra a ideia da ‘escola sem partido’ defendida por governistas que desejam impor o atraso. Portanto, na atual campanha reivindicatória e de defesa de direitos, temos de manter o mesmo espírito de unidade da vitoriosa campanha do ano passado”, ressaltou Valéria Morato, presidenta do Sinpro.

Próxima assembleia:

23/3 (Sábado), às 9h – Rua Jaime Gomes, 198 – Floresta (Sinpro Minas)

*Após assembleia, os professores estão convidados para análise sobre a Reforma da Previdência que será realizada por Flávio Tonelli Vaz (Assessor técnico da Câmara dos Deputados)

Resistir para existir!

Campanha reivindicatória 2019!

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Opinião Sinpro Minas
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha