Notícias

Professora de Sociologia é punida por ensinar Karl Marx

12 de julho de 2016

A professora de Sociologia Gabriela Viola foi afastada pela Secretaria Estadual de Educação do Paraná porque pediu um trabalho sobre o que os alunos haviam entendido de sua aula sobre Karl Marx (1818-1883), um importante intelectual e revolucionário alemão.

Justamente porque os alunos de primeiro ano B do ensino médio fizeram um vídeo muito criativo com uma paródia do funk “Baile de Favela”, do MC João, e o postaram na internet.

A paródia “Karl Marx é Baile de Favela” viralizou na internet juntamente com a campanha #VoltaGabi, promovida pelos alunos do Colégio Estadual Professora Maria Gai Grendel, que fica na capital Curitiba.

Acompanhe a página do #voltaGabi no Facebook aqui.

Gabriela explica que suas aulas são voltadas para o incentivo aos estudos. Além de Marx, ela leciona pensadores como Émile Durkheim (1858-1917) e Max Weber (1864-1920). Nenhum dos dois tem proximidade com as ideias marxistas. Durkheim foi um sociólogo e psicólogo social francês que defendia o estudo da Sociologia para entender as “crenças e modos de comportamento instituídos pela coletividade”. Já Weber foi um economista e jurista alemão. Seus trabalhos foram voltados para o estudo do capitalismo. Comumente se atribui aos três a criação da Sociologia como ciência.

Alguns representantes da extrema-direita taxaram a aula de Gabriela de “doutrinação marxista”. Fruto da proposta do que chamam de “Escola Sem Partido”. O que para Isis Tavares, presidenta da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no Amazonas, representa “a escola do pensamento único, da falta de diálogo e da desinteligência.”

“A ‘Escola Sem Partido’ é a escola de apenas um partido, de apenas um lado (o mais conservador de todos), buscando enterrar a diversidade de pensamento natural na busca de conhecimentos e transformando o processo educacional em instrumento de opressão e de censura”, diz Camila Lanes, presidenta da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas.

Assista o vídeo do trabalho feito pelos alunos do 1º B do Colégio Estadual Professora Maria Gai Grendel

Leia ainda:
Fonte: Portal CTB

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha