Notícias

Professores do Izabela Hendrix protestam contra a instituição de ensino

Professores do Izabela Hendrix e diretores do Sinpro Minas fizeram ontem um protesto na porta da instituição de ensino, em Belo Horizonte, contra o atraso no pagamento de salários.

O ato também contou com a participação de estudantes, que se mobilizaram a favor dos docentes e criticaram a postura da direção da instituição de ensino.

Com faixas e cartazes, eles chamaram a atenção de quem passava pelo local sobre a situação de desrespeito aos direitos da categoria docente.

Até o momento, os professores do Colégio e do Centro Universitário Izabela Hendrix estão sem receber o salário de dezembro e o deste mês, as férias e o 13º. Também há outros descumprimentos de direitos trabalhistas, como a falta de depósito do FGTS.

Por conta dessa situação, os professores do Centro Universitário estão em greve desde 11 de fevereiro, e os do Colégio paralisaram as atividades a partir desta quarta-feira (11/3), também por tempo indeterminado.

Esse quadro, que se arrasta há anos, tem gerado um enorme clima de insatisfação entre os professores, com reflexos negativos para o processo de ensino-aprendizagem. Mobilizada, a categoria aguarda uma posição do Izabela Hendrix, com o objetivo de regularizar as pendências trabalhistas.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha