Notícias

Professores do Sesi têm novo acordo coletivo de trabalho

5 de julho de 2011

Os professores do Sistema Fiemg (Sesi) conquistaram 7% de reajuste na campanha reivindicatória deste ano. Em assembleia no dia 11 de junho, na sede do Sinpro Minas, os docentes aprovaram uma proposta de Acordo Coletivo de Trabalho que trouxe avanços para a categoria. O ACT já foi assinado, é retroativo a 1º de maio de 2011 e vale até 30 de abril de 2012.ConquistasApós mobilizações, os professores conseguiram reajuste pelo INPC (6,30%), 0,7% de ganho real, aumento do tíquete-refeição em 9,5% (para R$ 11,50) e do auxílio-creche em 13,2% (para R$ 120,00), e a ampliação da idade de atendimento da creche de 18 para 24 meses. Como resultado das negociações, foram feitas também adequações nas cláusulas de resilição parcial de contrato de trabalho e de visitação às escolas. A partir desse ACT, representantes do sindicato poderão fazer duas visitas por ano no horário de intervalo dos professores.UniãoA professora Valéria Chiode, diretora do Sinpro Minas, avalia que o resultado das negociações foi positivo, mas que a categoria precisa se unir mais rumo a novas conquistas. “Continuaremos lutando pela unificação dos pisos salariais da educação infantil ao ensino médio”, aponta.“É importante que o professor do Sistema Fiemg dialogue com os colegas, sindicalize-se e participe das atividades do Sinpro, porque é assim que a categoria se fortalece e melhora suas condições de trabalho e vida”, destaca o diretor do sindicato, Mateus Júlio de Freitas.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha