Notícias

Assembleia urgente: Sinep Sudeste quer retirar direitos dos professores

31 de agosto de 2020

A direção do Sinpro Minas vem, há meses, participando de inúmeras rodadas de negociação com o Sinep Sudeste para o fechamento da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2020, como já foi feito em todas as 8 regionais do estado. Porém, o Sinep Sudeste tem dificultado as negociações apresentando uma contraproposta que visa acabar com conquistas históricas da categoria como férias coletivas e recessos escolares. Além disso, como condição para assinar a CCT, quer reduzir o adicional por tempo de serviço e transferir para as escolas a distribuição das bolsas para professores/as e seus dependentes, o que pode fazer com que muitos/as professores/as fiquem sem bolsa de estudos.

De acordo com os diretores do Sinpro Minas que participaram das negociações, ficou evidente que o patronal tenta destruir a CCT, desqualificando a importância da valorização do professor e tratando a educação como uma mercadoria. Para a presidenta do Sinpro Minas, Valéria Morato, isso é um desrespeito com o corpo docente e discente, especialmente neste momento de pandemia, quando os/as professores/as estão se desdobrando, e a maioria sem apoio técnico e emocional por parte das escolas, para garantir uma educação de qualidade, com o menor prejuízo possível para os/as alunos/as. “Não permitiremos estes cortes. É uma velha tática do patronal tentar retirar direitos em mesa de negociação ao invés de discutir a manutenção dos direitos conquistados e a possibilidade de alcançarmos novas vitórias, melhores condições de salário e trabalho para a categoria”, afirma.

Geracao-de-empregos-e-Reforma-Trabalhista-Uma-conta-que-nao-fecha-1-1024x599

“Seguiremos firmes na luta por nenhum direito a menos e por melhores condições de vida e trabalho. Na atual campanha reivindicatória, temos mantido o mesmo espírito de unidade da vitoriosa campanha do ano passado e isso é fundamental para garantirmos conquistas”, destaca o diretor do Sinpro, Newton de Souza, que tem acompanhado as negociações.

Antes da nova rodada de negociação com o patronal, o Sinpro Minas realizará uma assembleia com os /as professores/as da regional sudeste para que possam se informar e decidir o rumo dessa campanha reivindicatória 2020. Para que seja possível a participação do maior número de profissionais, o sindicato realiza, agora, uma enquete, em que o/a professor/a poderá indicar o melhor dia (4 ou 5 de setembro) e horário, de acordo com sua agenda. Para participar, entre  neste link , que ficará disponível até quarta-feira (02/09).

Educação é a nossa luta, união é a nossa resistência!

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha