Notícias

Sinpro Minas cobra apuração de irregularidades na Univale

22 de agosto de 2007

A regional do SINPRO-MG, em Governador Valadares, distribuiu uma carta aberta à comunidade acadêmica da Universidade do Vale do Rio Doce (Univale), em agosto, diante das denúncias de irregularidades contra a instituição de ensino. Entre elas estão a demissão de professores e auxiliares, o descumprimento de acordos salariais e o crescente passivo trabalhista.“O SINPRO-MG sempre lutou e lutará pela estabilidade no emprego de todos os trabalhadores, principalmente dos professores que são alvos de demissões permanentes no final do semestre letivo”, diz a carta aberta.No texto, o SINPRO-MG também pede a apuração de todas as denúncias de irregularidades administrativas feitas contra a instituição de ensino. “Consideramos que qualquer denúncia de corrupção deve ser investigada, com transparência e independência, antes que qualquer pessoa seja considerada culpada”, afirma o documento. O sindicato pede também que a Univale cumpra com suas obrigações trabalhistas e educacionais e recomponha a normalidade interna para o bom funcionamento da instituição.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Eventos
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha