Notícias

Sinpro Minas manifesta apoio aos professores do Colégio Santo Agostinho

14 de julho de 2017

O Sinpro Minas manifesta apoio aos professores do Colégio Santo Agostinho e reafirma que a autonomia pedagógica do docente, um dos pilares da construção do saber, precisa ser respeitada, conforme prevê a legislação educacional em vigor.

Recentemente, alguns poucos pais de alunos, orientados por uma interpretação enviesada, fizeram críticas à proposta pedagógica da escola de abordar o tema diversidade sexual e gênero em sala de aula.

Trata-se de uma leitura equivocada e que desconsidera o fato de que a escola, por ser um dos principais espaços formativos na sociedade, não pode se furtar a debater com os alunos e toda a comunidade escolar os diversos assuntos que a permeiam.

Tal postura desse pequeno grupo de pais também não leva em consideração o amplo conhecimento dos professores, capazes de promover a formação ampla e integral dos estudantes, e a dimensão cidadã dessa proposta pedagógica.

Tratar desse tema no ambiente escolar é fundamental para a busca de uma sociedade mais inclusiva e de qualidade, pautada pelos princípios dos direitos humanos e do respeito às diferenças, tão necessários nos dias atuais.

Dessa forma, o Sinpro reitera o apoio aos professores da instituição de ensino e se coloca à disposição para eventuais ações em defesa da autonomia profissional e dos direitos da categoria.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Ponte Nova
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Teófilo Otoni
Uberaba
Uberlândia
Varginha