Notícias

TRT faz proposta de conciliação para a CCT do Sudeste

26 de julho de 2016

Nesta segunda-feira, 25 de julho, aconteceu, no Tribunal Regional do Trabalho 3ª região, a primeira reunião de conciliação do dissídio coletivo ajuizado pelo Sinpro Minas contra o Sinepe/Sudeste, diante do impasse na campanha reivindicatória de 2016.

Os representantes do Sinepe/Sudeste alegaram dificuldades financeiras e reapresentaram a proposta de reajuste salarial de 6,5%. O Sinpro Minas, representado pela presidenta Valéria Morato e pela diretora Celina Arêas, reafirmou a pauta de reivindicações que prevê o reajuste pelo INPC do período acrescido de 3% de aumento real e argumentou que as mensalidades escolares foram corrigidas acima da inflação.

Após conversas separadas com as partes, a desembargadora instrutora Emília Facchini propôs, para a conciliação, que o reajuste salarial para a data-base de 1º de fevereiro seja de 11,31% (INPC), sendo 7% em fevereiro/2016 e 4,03%, em setembro/16. Para a data-base 1º de março/16, a proposta é 11,07% (INPC) de reajuste salarial, sendo 7% em março/16 e 3,8% em setembro/16. Propôs, ainda, que as diferenças salariais retroativas a ambas datas-base sejam pagas em 3 parcelas nos meses de agosto, setembro e outubro/16, além da manutenção da última Convenção Coletiva de Trabalho.

As partes deverão submeter a proposta às suas instâncias decisórias e informarão nos autos o resultado até 10 de agosto. A próxima reunião entre o Sinpro Minas e o Sinepe/Sudeste foi agendada para o dia 3 de agosto.

COMENTÁRIO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Artigo
Ciência
COVID-19
Cultura
Direitos
Educação
Entrevista
Geral
Mundo
Opinião
Política
Programa Extra-Classe
Publicações
Rádio Sinpro Minas
Saúde
Sinpro em Movimento
Trabalho

Regionais

Barbacena
Betim
Cataguases
Coronel Fabriciano
Divinópolis
Governador Valadares
Montes Claros
Paracatu
Patos de Minas
Poços de Caldas
Pouso Alegre
Sete Lagoas
Uberaba
Uberlândia
Varginha